Geleia

Tipos de geleia

tipi marmellata

Tipos de geleia, história italiana

São muitos os tipos de geleia italiana, cada região é especializada na conservação e tratamento das próprias frutas nativas (do morango ao damasco), cultivadas seguindo a rígida linha que impõe a menor quantidade possível de pesticidas.

A diretiva comunitária europeia 2001/113/CE estabelece que na produção é permitido utilizar todos os tipos de fruta, com exceção para os cítricos, que dão ao produto final o nome de “marmelada”. Pellegrino Artusi no seu tratado preferia evitar os dois termos e unificá-los como “tipos diferentes de conservas”. Os primeiros tipos de geleia realizados com método moderno remontam ao trabalho do confeiteiro  francês Nicolas Appert do século XVIII, mas as lendas italianas falam em Maria de’Medici e Caterina d’Aragona.

A excelência, delineada por um aroma harmonioso e nunca demasiado intenso se divide em tipos de produtos agroalimentares tradicionais certificados, como a “cotognata” em Abruzzo, a conserva de castanhas em Lazio, a de mirtilos em Bolzano e ainda a de Rosa Mosqueta em Marche.

Entre os variados tipos os italianos amam a geleia de morango, espalhada no pão toscano e acompanhada de tipos diversificados de queijos.

Sobre o autor

Adicionar comentário

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.