Salame

Nduja

nduja

Nduja, receita original

Nduja é o salame calabrês mais célebre. Macio e muito picante, é conhecido pela sua autenticidade.  É produzido em toda a Calábria, seu centro de produção por excelência é Spilinga, perto de Capo Vaticano. O salame calabrês Nduja apresenta cor vermelho vinho, tem consistência pastosa e não endurece, mesmo após o envelhecimento.

Uma ótima forma de saborear o salame calabrês Nduja é com pão tostado, trata-se de um ingrediente fundamental de diversas receitas famosas em todo o mundo. O nduja ressalta qualquer prato com seu sabor e perfume. É composto de aparas de cortes de porco, pequenas quantidades de pedaços de gordura tirado da barriga, ombros e coxas, junto com abundantes doses de pimenta calabresa (cerca de 25/30% do produto). Terminada a etapa de mistura e salga, o Nduja é conservado no intestino natural e defumado com madeiras resinosas e aromáticas como acácias.

Suas origens são pouco claras, segundo alguns ele foi introduzida na área em 1500 pelos espanhóis mesmo que pareça com um embutido francês , “l’andouille”, que pode ter sido trazido no período napoleônico ente 1806 e 1815. Não importando sua origem, esta versão deixa seus predecessores para traz e fará você chorar de alegria!

Sobre o autor

Adicionar comentário

Clique aqui para postar um comentário