laranja

laranja italiana

Laranja italiana, cultivos muito apreciados

A laranja italiana representa sozinha 3% da produção mundial e tem um calendário de maturação que a torna disponível de novembro a maio. Entre os tipos de laranja italiana mais difusos e produzidos encontramos a laranja tarocco (ou pigmentada), laranja navel e vermelha siciliana.

Aquela cultivada na Sicília é a protagonista do mercado interno da Itália (56%), seguida da de Calábria (32%). Na planície de Catania e no território de Siracusa o microclima montanhoso protege os frutos de ventos frios e permite o cultivo de uma tarocco de ótima qualidade. Uma variedade célebre de laranja navel, que obteve a certificação IGP europeia, é a de Ribera, localidade onde o clima ameno e a abundância de água favorecem as propriedades do fruto.

O solo italiano é caracterizado por milhares de plantações de cítricos, partindo do sul da famosa Conca d’Oro de Palermo (maravilha criada pelos árabes e louvada em todo o Mediterrâneo) até as estufas nas margens do Lago de Garda, concebidas para servir os senhores da Lombardia e do Veneto e contribuir na preparação de frutas cristalizadas (exportadas para o mundo de Gênova).

Sobre o autor

Adicionar comentário

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.