Mortadela

Mortadela italiana, ingredientes peculiares

A mortadela italiana tem uma história rica e é um dos mais antigos embutidos italianos. Originou-se nas áreas florestais do centro-norte da Itália, ricas de carvalhos e seus frutos, base da alimentação dos suínos, naquele tempo, criados de modo selvagem. No museu arqueológico da capital da Emilia Romagna existe um monólito da época românica que apresenta sete porcos sendo levados ao pasto junto com um almofariz com pilão, um testemunho da importância histórica da Mortadela.

Na criação do produto, as ferramentas mencionadas acima, eram usadas para esmagar e misturar a carne após o abate, o que nos dá uma ideia da origem no nome mortadela. Devido a estreita ligação com o território onde surgiu, a iguaria é frequentemente chamada de Mortadela Bologna.

Um destaque entre os deliciosos embutidos italianos, é feita com cortes nobres selecionados e moídos em três etapas. Em seguida, os “lardelli“, cubos de gordura de alta qualidade, são adicionados, trazendo profundidade de aroma. A mistura é embutida e cozida com fornos especiais de ar seco e a preparação termina com um banho de água fria.